sexta-feira, 29 de junho de 2012

"BAIXA: UMA FLOR PARA O "ZEZITO"

Retirado do Blogue Questões Nacionais

“Zezito” e com alcunha de o “garrafão”.
Ao que consegui indagar o “Zezito” não tem família e, por esse facto, os muitos amigos que ele tem aqui na Baixa querem que, “apesar de ser muito pobre, tenha direito a um funeral de classe”. Vai daí, o Fernando, do “Tapas”, na Rua das Rãs, conjuntamente com o Carlos Alberto Vacas, um outro amigo do falecido, trataram de espalhar por aqui uns panfletos onde apelam à solidariedade de todos. Diz-me O Carlos Vacas: “ele era uma joia de pessoa, pode mesmo crer. Não fazia mal a ninguém. Ainda nem estou em mim com o que aconteceu. Então, como ele não tem ninguém de família, junto com o senhor Fernando, estamos a ver se conseguimos que, pelo menos na última despedida, seja tratado como igual a outro qualquer. Isto é, que não olhemos para o funeral e, pela pobreza sem uma única flor, pensemos olha ali vai um pobre. Não. O “Zé” podia ser um de tantos como eu, que não tenho nada, mas somos muito ricos em amigos. Você entende onde quero chegar? Pode contribuir para umas flores para o "Zezito"?”"



Canto Imperecível das Aves de António Vilhena

A Câmara Municipal de Coimbra teve a brilhante ideia de ajudar o comércio tradicional

Tive a confirmação que a Câmara Municipal de Coimbra tem boas notícias para o comércio tradicional. Prolongou o horário do Continente até à meia-noite
A Câmara Municipal de Coimbra teve a brilhante ideia de ajudar o comércio tradicional, mais especificamente o comércio da baixa.
Teve uma ideia pró-activa, prolongou o horário das grandes superfícies até á meia-noite.
Sem dúvida que o executivo camarário vestiu a camisola do pequeno comercio para aos ajudar a sobreviver, digo, a continuar a respirar. Estão de parabéns!
O funcionário pró-activo (executivo da Câmara Municipal são funcionários) é aqueles que não fazem o estritamente designado dentro de sua função (ouvir a pessoas, e legislar, regulamentar em equilíbrio e nunca desproteger os mais fracos e vulneráveis). São aqueles que tomam iniciativas, aqueles que se interessam, que vestem a camisa da empresa, que torce por ela, que a ajuda a crescer.
Agora sem sarcasmos e ironias, não me interessa se o regulamento previa ou prevê o alargamento do horário das grandes superfícies, para mim este alargamento é completamente descontextualizado no decorrer da grave crise que se vive no pequeno comercio em Coimbra, estou perfeitamente livre para falar deste assunto porque não sou comerciante.
Este alargamento é mais uma punhalada nas costas do pequeno comércio, é o começar a fechar a torneira da botija de oxigénio.
Não tarda Coimbra vai ser conhecida pela primeira cidade dos coveiros.

Jorge Neves
Vogal Independente da  Assembleia de Freguesia de São Bartolomeu

quinta-feira, 28 de junho de 2012

As guerrilhas contra os funcionários públicos abonam em frutos de sabor amargo

Ando à mais de uma dezena de anos a ouvir comentários que os funcionários públicos não fazem nada, que ganham muito. Outro tipo de comentários do género que devíamos ganhar como no privado e principalmente como no comércio.
Eu sempre disse que não eras bem assim, que as pessoas falavam sem conhecimento de causa e intoxicados pela comunicação social, não acreditavam em mim, agora já começam a dar-me razão, porquê?
Pois bem, já começaram a reconhecer que a luta deles não fazia sentido, deviam ter lutado para atingir melhores ordenados e regalias e não em quererem que os funcionários públicos tivessem ordenados mais baixos, convém não esquecer que os ordenados base na função publica são um pouco mais elevados que no privado, mas os do privado na sua maioria recebem mais do que vem no seu boletim de vencimento.
Os cortes nos vencimentos e perda de subsídio de ferias e de natal dos funcionários públicos, está a colocar em risco muitos postos de trabalho no privado, porquê?
Deixaram de consumir como consumiam, deixaram de almoçar de forma quase diária nos restaurantes, deixaram de tomar pequeno-almoço nos cafés, deixaram de vir trabalhar de automóvel etc.
O pouco que recebiam a mais do que no privado incentivava a economia loca e protegia os postos de trabalho do pequeno comércio e não só.
Existem lutas contra classes feitas por outras classes que mais tarde ou mais cedo têm destes frutos bem amargos.
A não esquecer, que dinheiro faz dinheiro, já dizia o meu avô.

Faleceu Adelino Paixão.

Faleceu Adelino Paixão, uma das ultimas figuras tipicas da cidade de Coimbra.
Já não volta a pedir-me uma moedita e um cigarrito nem a perguntar como está o meu pai.
Paz à sua alma!

quarta-feira, 27 de junho de 2012

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Madonna : valeu pela sensação e principalmente pelo impacto visual

Fotografia tirada ao vivo e publicada no Facebook por Nuno Mauricio

Não estive presente no concerto da Madonna embora me tivessem oferecido um bilhete, como não sou apreciador do seu playback simplesmente não fui, mas tive curiosidade de me informar com varias pessoas que estiveram presentes e a conclusão é quase unânime.
Foi um espectáculo que valeu pela sensação e principalmente pelo impacto visual causado pelas novas tecnologias do que pela capacidade em avassalar a plateia.
E deixo uma pergunta no ar, será que ainda sabe cantar?

Nota : texto feito baseado em testemunhos de quem assistiu ao vivo ao concerto.

domingo, 24 de junho de 2012

Concerto Madonna : Fãs ao rubro





Ambiente antes do concerto da Madonna





Um apelo ...

Ontem no arraial no  Largo do Romal após o Grupo convidado para actuar "Mar e Samba" ter montado os seus instrumentos musicais e feito os ensaios e quando se preparavam para jantar numa mesa ao lado do palco de actuação, um " artista do alheio" resolveu roubar um dos portáteis do Grupo.
O computador portátil não tem muito valor monetário mas tem muitas horas de trabalho do grupo musical e faz imensa falta.
Quem souber do paredeiro do computador que entre em contacto com o grupo, comigo ou na Junta de Freguesia São Bartolomeu.

Nota : Eu e o Presidente da Junta percorremos todas as ruas da baixa, todos os sítios onde comercializam droga em troca de computadores e telemóveis, entrei em contacto com a central de táxis para saber se na ultima hora algum táxi se tinha deslocado até a dois dos muitos bairros da cidade, sem sortir efeito algum.
Só uma curiosidade, andavam milhares de pessoas na rua mas não vi um único policia fardado nas ruas, será que andavam à paisana?

Magnifico arraial de São João no Largo do Romal com os MAR & SAMBA








Um excelente arraial de São João, no Largo do Romal, organizado pela Junta de Freguesia de São Bartolomeu, que gostem ou não é a maior dinamizadora da baixa de Coimbra.
O arraial contou com a presença do Deputado Rui Duarte, do Senhor Presidente da Câmara Municipal de Coimbra Barbosa de Melo, os Vereadores António Vilhena e Carlos Cidade e do Drº Fernando Regateiro e a Drª Helena Freitas entre outras figuras ilustres da nossa cidade.

Djs e não só para animar a baixa